Flexible Home Layout

ECONOMIA

CUITEGI

FOTOS

EMPREGOS

Video

POLITICA

A Paraíba teve uma redução de 6,2% na taxa de homicídios de 2011 para 2012, ficando a frente de Pernambuco, com 5,1%. O levantamento é baseado no Sistema de Informações de Mortalidade (SIM), do Ministério da Saúde, que tem como fonte os atestados de óbito emitidos em todo o país. Apesar da redução, o mapa mostra que a Paraíba ainda continua entre os dez mais violentos do país.
O autor do mapa, o sociólogo Julio Jacobo Waiselfisz, diz que o sistema do Ministério da Saúde foi criado em 1979 e que produz dados confiáveis desde 1980. As estatísticas referentes a homicídios em 2012, portanto, são recordes dentro da série histórica do SIM.
De acordo com o levantamento, além da Paraíba e Pernambuco, outras três unidades da federação registraram redução nas taxas de homicídio durante o mesmo período. Dois deles — Rio de Janeiro e Espírito Santo — se mantiveram praticamente estáveis, com quedas de 0,3% e 0,4%, respectivamente. O outro foi Alagoas, com retração de 10,4%.
Para Waiselfisz, o Brasil vive um “equilíbrio instável”, em que alguns estados obtêm avanços, mas outros tropeçam. Mesmo com a redução nas taxas de homicídios de 2011 para 2012. , ainda assim os cinco estados, RJ, ES, AL,PB e PE continuam entre os dez estados com maiores taxas de homicídio do país.

Redação: com Paraíba Hoje
3
0 Comentários

Postar um comentário