Flexible Home Layout

ECONOMIA

CUITEGI

FOTOS

EMPREGOS

Video

POLITICA


Luzia Camilo trabalhava no "Bar do bega" no bairro Novo.


A auxiliar de cozinha, Luzia Camilo da Silva, foi assassinada por dois homens no final da tarde deste sábado (21) em seu local de trabalho, no “Badubega”, um dos bares mais movimentados de Guarabira, no bairro Novo.
Segundo informações, os dois homens numa moto chamaram Luzia em seu trabalho, e, tendo ela atendido-os, fora surpreendia com  cerca de quatro disparos de arma de fogo e logo após se evadiram do local seguindo destino ignorado.
A vítima chegou a ser levada para o Hospital Regional de Guarabira com ferimentos no ombro, em um dos braços e no abdômen, mas não resistiu e morreu.
Luzia Camilo da Silva, seria esposa de um presidiário conhecido como “Diabo”, preso na Capital. A polícia trabalha na hipótese de ele ter sido o mandante do crime.
Os suspeitos foram presos pela polícia poucas horas após o crime dentro de um ônibus, próximo a cidade de Mari.

Da Redação: com Nordeste1.com 
3
0 Comentários

Postar um comentário