Flexible Home Layout

ECONOMIA

CUITEGI

FOTOS

EMPREGOS

Video

POLITICA

A Paraíba assistiu neste sábado (28) a nítida confusão do governador Ricardo Coutinho no uso da administração pública como bem eleitoral. Em um ato sem moral, o chefe do Poder Executivo decidiu exonerar todos os auxiliares do vice-governador Rômulo Gouveia, constitucionalmente eleito, que tem na estrutura funcional da administração assessores para lhe auxiliarem no pleno exercício de suas funções.
O Diário Oficial do Estado da Paraíba trouxe neste sábado, 28 de junho de 2014, a exoneração de assessores, chefe de gabinete e até motoristas do gabinete da vice-governadoria que executavam ações administrativas. Neste ato ante-democrático, Ricardo tentou retaliar o vice-governador que nesta sexta-feira (28) fez uma opção política eleitoral e agora é podado em suas ações constitucionais.
Ainda nesta sexta-feira, telefones funcionais dos assessores do vice-governador foram cortados. O governador esquece que sua atitude não fere a disputa eleitoral, mas depões contra sua administração que com estas exonerações, do gabinete institucional do Estado, tenta impor sua vontade político partidária no Poder Executivo, tratando o bem público como se privado fosse. Por isso o repúdio dos que compõe o gabinete institucional do vice-governador da Paraíba.
Hermano José Toscano Moura
Chefe de gabinete do vice-governador da Paraíba
Da Redação: Portal Pilões News                                                                                       
3
0 Comentários

Postar um comentário