Flexible Home Layout

ECONOMIA

CUITEGI

FOTOS

EMPREGOS

Video

POLITICA

O Mapa da Violência 2014, divulgado pela FLACSO (Faculdade Latino-Americana de Ciências Sociais), mostra que o estado da Paraíba foi o que apresentou maior taxa de crescimento no número de mortes provocadas por acidentes de trânsito, sendo este percentual de 22%. Os números são referentes ao comparativo entre os anos de 2011 e 2012 e tiveram por base o SIM (Sistema de Informações de Mortalidade) do Ministério da Saúde.
Nos acidentes de trânsito, Em todo Brasil a mortalidade continua sua espiral de crescimento praticamente incontrolável, tomando com base quase exclusiva a morte de motociclistas. Entre 2002 e 2012 as taxas só caem em duas Unidades da Federação: Roraima e Distrito Federal. Entre 2011 e 2012 só Mato Grosso experimenta uma leve queda.
Apesar do dado alarmante, a Paraíba ainda ocupa o 5º lugar no Nordeste na taxa por 100 mil habitantes e 14º lugar no País.
No ranking de homicídios, a Paraíba ocupa o 3º lugar no Nordeste, com taxa de 40,1 e 8º lugar no Brasil. O dado positivo é que o estado foi o 2º do País a mais reduzir o número de homicídios, com queda de 6,2%, perdendo apenas para Alagoas que reduziu em 10,4%.
Outro número preocupante é crescimento dos suicídios na Paraíba. O Estado foi o 2º do Nordeste que registrou maior percentual de crescimento, com 14,7%, perdendo apenas para Pernambuco, com 15%. No ranking nacional a Paraíba, felizmente é o 19º colocado em suicídios, mas o crescimento merece atenção.
ddd
Da Redação: com Informações Click PB
3
0 Comentários

Postar um comentário