Flexible Home Layout

ECONOMIA

CUITEGI

FOTOS

EMPREGOS

Video

POLITICA

Seis candidatos ao Governo do Estado vão debater e apresentar suas propostas às 22h40

A TV Correio realiza na próxima sexta-feira, a partir das 22h40, o debate com os seis candidatos que estão na disputa pelo Governo do Estado da Paraíba nas Eleições 2014. O evento terá como mediador o jornalista e apresentador Heron Cid, e a participação dos candidatos Antônio Radical (PSTU), Cássio cunha Lima (PSDB), Major Fábio (Pros), Ricardo Coutinho (PSB), Tárcio Teixeira (Psol) e Vital do Rêgo Filho (PMDB).

De acordo com a editora geral de jornalismo da TV Correio, Carla Visani, o debate será dividido em cinco blocos, dos quais no 1º, 3º e 4º, as perguntas serão feitas entre os próprios candidatos com temas livres. O primeiro candidato a formular a pergunta em cada um dos blocos será definido através de um sorteio. Quem o candidato sorteado escolher para responder será o segundo a fazer a pergunta a outro candidato, que por sua vez será o terceiro a perguntar, e, assim por diante. Além da pergunta e reposta, cada candidato terá direito à réplica e tréplica, que serão orientadas pelo mediador. 

No segundo bloco, conforme informou Carla Visani, os candidatos irão responder a perguntas formuladas por três jornalistas do Sistema Correio de Comunicação, também sobre temas livres. As perguntas serão formuladas pelos seguintes jornalistas: André Gomes, do Jornal Correio; Eduardo Carneiro, da Rádio Correio, e Hermes Luna, do Portal Correio. Também por meio de sorteio. O quinto bloco é destinado a considerações finais pelos candidatos.

Carla Visani destacou a importância do debate da TV Correio, para que o eleitor possa fazer uma análise dos candidatos, em um debate onde cada um terá oportunidade de apresentar suas propostas e confrontar suas ideais. “Estamos trabalhando para proporcionar ao eleitor este momento, com a participação de todos os candidatos, que foram convidados e já confirmaram presença no debate, para que tirem suas dúvidas e possam conhecer um pouco mais do desempenho de cada um”, comentou a editora geral.

De acordo com Heron Cid, pelo alcance estadual, pela tradição e pela audiência da emissora, o debate da TV Correio é sempre o mais aguardado da Paraíba. “Nossa expectativa é que possamos oferecer um importante espaço de confronto das idéias para balizar a escolha dos paraibanos. Antes de ser uma valiosa oportunidade para os candidatos apresentar suas propostas, este debate será um grande serviço prestado aos eleitores”, destacou.

Heron Cid ressaltou que a população está muito mais antenada e exigente. “Mais do que nunca, os candidatos precisam provar competência e capacidade para conquistar o voto na hora do confronto direto em que eles aparecem como realmente são: sem a maquiagem e a encenação solitária do guia eleitoral, onde desfilam um festival de auto-elogios e atacam os adversários. Por isso, no debate as cortinas de cada candidato são abertas e a população pode ver os acertos, os erros, os equívocos e as contradições”, comentou o jornalista.

Além disso, ele falou da responsabilidade que terá em atuar como mediador de mais um debate realizado pela TV Correio. “Sinto-me muito honrado de merecer, mais uma vez, a confiança da direção do Sistema Correio para conduzir um momento tão significativo para a empresa, para a eleição e para o futuro da Paraíba. Levarei para essa missão o mesmo sentimento que caracteriza minha postura profissional: equilíbrio. Nessa hora, cabe ao profissional a ponderada mediação. São os candidatos e o confronto entre eles que devem aparecer na tela”, afirmou.

Heron Cid disse, ainda, que o debate da TV Correio tem uma marca forte, porque além de proporcionar a participação de todos os candidatos ao Governo, o que demonstra o caráter democrático, suas regras privilegiam o confronto direto em três blocos. “Só um dos blocos conta com perguntas de jornalistas do Sistema Correio e nele haverá o comentário de um segundo candidato. A dinâmica privilegia o duelo das idéias e das visões divergentes. Ganha o telespectador. Ganha a democracia”, declarou.

Por Jornal Correio da Paraíba
3
0 Comentários

Postar um comentário