Flexible Home Layout

ECONOMIA

CUITEGI

FOTOS

EMPREGOS

Video

POLITICA

Responsive image
Governador da Paraíba Ricardo Coutinho. (Foto: Arq/Revista Nordeste)


Sábado, Dia 17 de Outubro de 2015
A Revista Nordeste, do jornalista e empresário Walter Santos, diretor presidente do Grupo WSCOM, destaca na edição do mês de setembro, o nome do governador da Paraíba Ricardo Coutinho (PSB) como provável candidato à sucessão Dilma Rousseff (PT).
 
A Revista registra que Ricardo Coutinho no PSB é uma das vozes contra uma possível aliança com o PSDB de Geraldo Alckmin para 2018.
 
A informação está em uma entrevista, veiculada na edição 106 da Revista Nordeste - disponível em formato digital para Smartphones e iPads. (download gratuito)
 
 
 
 
Trajetória Política
 
Ricardo Coutinho foi eleito vereador de João Pessoa pelo Partido dos Trabalhadores (PT) por duas vezes, em 1992 e em 1996. Para o segundo mandato, em 96, obteve 6.917 votos, conquistando o primeiro lugar naquela eleição, registrando o maior número de votos até então recebidos por um vereador na Capital.
 
✔ Em 1998 candidatou-se a deputado estadual, sendo o mais votado em João Pessoa. Em 2002, ainda pelo PT, foi reeleito com o maior número de votos do pleito: 47.912. Na Assembléia Legislativa do Estado da Paraíba (AL-PB), Ricardo Coutinho foi presidente da Comissão de Saúde em dois mandatos.
 
 No início do ano de 2004, sofrendo pressões e embates dentro PT, Ricardo deixa a legenda para se candidatar a prefeito da João Pessoa pelo Partido Socialista Brasileiro (PSB), vencendo as eleições com cerca de 65% dos votos da população pessoense.
 
 Em 2008, ele se candidata à reeleição e, novamente, é conduzido ao cargo de prefeito da Capital paraibana. Neste pleito, ele obteve 262.041 votos, o equivalente a 73,8% do eleitorado.
 
 Em 2010, foi eleito governador da Paraíba com a maior votação da história, com 1.079.164 votos.
 
 Em 2014, foi reeleito governador no 2º turno com uma votação de 1. 125.956 votos (52,61%), 111 mil votos a mais que o segundo colocado.

Fonte e fotos: http://colunapolitica.com.br/
3
0 Comentários

Postar um comentário