Flexible Home Layout

ECONOMIA

CUITEGI

FOTOS

EMPREGOS

Video

POLITICA



Pamela Joan Rogers dava aulas de Física na Centertown Elementary School em McMinnville (EUA), quando se envolveu no escândalo que mudou sua vida. Pamela teve um relacionamento com um garoto de 13 anos, que era um de seus alunos. De acordo com o tribunal que a condenou, ela o procurou e e os dois fizeram sexo em pelo menos 12 ocasiões. Mesmo após ser presa e pagar fiança, ela aproveitou sua liberdade condicional para se enroscas ainda mais com a Justiça. E a história só piorou…

A professora chegou a mandar mensagem explícitas, fotos nuas e um vídeo sensual que se alastrou por toda a internet. A relação proibida durou três meses. Nesse meio de tempo, rolaram vários encontrados sexuais.

O caso foi um dos mais chocantes da história do Estado americano de Tennessee. Na época, a professora tinha 27 anos e, após inúmeras acusações de agressão sexual e estupro, sua carreira como professora ficou completamente destruída.

Após sua primeira prisão, Pamela pagou fiança no valor de $ 50 mil, o equivalente a quase R$ 200 mil nos dias atuais.

http://www.clickpolitica.com.br/

Via R7

3
0 Comentários

Postar um comentário