Flexible Home Layout

ECONOMIA

CUITEGI

FOTOS

EMPREGOS

Video

POLITICA

 
 
O Governador, mesmo pagando aumentos de 3% e 1% aos servidores nos últimos anos, batia no peito por ter estabelecido a base para os/as Servidores do Estado da Paraíba. Essa semana, por Medida Provisória, mais uma vez Ricardo desmoralizou a Assembleia Legislativa e atacou os/as Servidores/as. Ele não só aumentou a política de arrocho salarial, com 00% de aumento para 2016, como impediu progressões previamente estabelecidas.

A inflação passou de 10%. O TJPB garantiu 10% de aumento aos trabalhadores. O MPPB, ainda não deixou claro qual percentual dará, mas a expectativa é que garanta esse direito aos trabalhadores. Ou a crise é bem seletiva ou tem gente que não vem fazendo o dever de casa.

Diante dos seus interesses, em setembro de 2014, o Governador tratava a crise como uma marolinha e isentava de impostos - por quinze anos - seus doares de campanha. Em pouco mais de um ano a marolinha virou uma tsunami que não atingiu as isenções fiscais, mas a previdência pública, por meio das pedaladas de Ricardo Coutinho, as políticas públicas mais necessárias para população e a mesa do funcionalismo, que junto com toda Paraíba ainda sofre com os aumentos de impostos e da tarifa de água e de luz, parte do pacote de maldades da tsunami de Ricardo Coutinho.

Nós trabalhadores não pagaremos pela crise. Vamos lutar por nossos direitos!
 
 
Tárcio Teixeira
Ex Candidato ao Governo da Paraíba pelo PSOL (2014)
Membro da Comissão Nacional de Ética do PSOL (2012/2015)
Presidente do PSOL/PB (2015/2017)
Presidente Conselho Regional de Serviço Social da Paraíba (CRESS/PB- 2011/2016)
Oi - 87735730 / Tim - 96177517
Twitter: @tarcioteixeira
3
0 Comentários

Postar um comentário