Flexible Home Layout

ECONOMIA

CUITEGI

FOTOS

EMPREGOS

Video

POLITICA

Com inscrições até o dia 14/02, curso "Fazer a Ponte no Brasil" apresenta metodologia alternativa de ensino-aprendizagem a educadores

por Maria Victória Oliveira



Não é incomum conhecer educadores que buscam referências externas sobre diferentes processos e métodos de aprendizagem para aplicar em sala de aula, na escola ou em casa com seus filhos. Muitos deles já conhecem a Escola da Ponte, de Portugal, uma das referências mundiais em educação básica.
Por isso, a parceria entre a escola portuguesa e a ONG Projeto Âncora, localizada em Cotia, em São Paulo, traz novamente o curso online Fazer a Ponte no Brasil. Durante quatro semanas, os participantes poderão interagir entre si e com os professores, no horário que for conveniente, através de uma plataforma online.
Realizado no Brasil pelo terceiro ano consecutivo, o curso pretende apresentar aos participantes a metodologia da Escola da Ponte aplicada no Projeto Âncora que, assim como a escola portuguesa, não usa provas para medir os conhecimentos nem divide os alunos em séries de acordo com a idade. Além disso, os inscritos poderão entrar em contato com o professor português José Pacheco, fundador da Escola da Ponte e conselheiro da Escola Projeto Âncora.
Destinado a pessoas insatisfeitas com os métodos tradicionais de ensino e que se identifiquem com propostas alternativas de aprendizagem, o curso pode ser feito por alunos de pedagogia, educadores em geral, professores da rede pública e privada de nível fundamental, médio ou superior, além de professores da educação profissional e corporativa.
Os únicos requisitos para acompanhar as aulas é ter uma conexão estável com internet e conhecer a dinâmica de receber e enviar mensagens online. Além disso, os responsáveis pelas aulas aconselham que os participantes tenham ao menos duas horas livres por dia útil para dedicarem ao curso ao longo das três semanas de duração, o que totaliza 30 horas (10 horas por semana). Aqueles que concluírem essa carga horária e entregarem a atividade final podem solicitar aos organizadores do evento um certificado de participação.
As inscrições para o curso podem ser realizadas até o dia 14 de fevereiro. As aulas começam no dia seguinte, dia 15, e vão até dia 04 de março. O investimento é de R$ 550, mas as primeiras inscrições têm um desconto de até 50% (R$275), valor que pode ser pago à vista (por depósito bancário), ou em até 12 ou 15 vezes nos cartões de crédito Mastercad/VISA e American Express, respectivamente.
As escolas e secretarias de educação que inscreverem grupos de educadores (de ao menos seis integrantes) têm uma condição especial: também recebem desconto de 50% em cada inscrição, independente da data que for realizada. Nesse caso, o representante do grupo deve mandar um email para o endereçoeducacional@aquifolium.com.br e informar nomes e endereços de email dos inscritos, CNPJ, razão social e endereço da instituição ou órgão público.

3
0 Comentários

Postar um comentário