Flexible Home Layout

ECONOMIA

CUITEGI

FOTOS

EMPREGOS

Video

POLITICA

bomba pisf
A esperada chegada das águas do Rio São Francisco no estado na Paraíba devem acontecer até o dia 28 de fevereiro, informou nesta quarta-feira (18) o ministro da Integração Nacional Helder Barbalho, em vistoria as obras da transposição na cidade de Monteiro, no Cariri paraibano.
“Nossa expectativa é que a gente possa até o último dia fevereiro estar entregando água do Rio São Francisco aqui em Monteiro e a partir daí pegar o curso do Rio Paraíba, garantido oferta hídrica, que os prazos possam ser mantidos e, acima de tudo, assegurando tranquilidade para a população”, disse o ministro.
Nesta quarta-feira, a comitiva do Ministério da Integração visitou o Eixo Leste, entre Pernambuco e Paraíba. Foram verificadas quatro estações de bombeamento do trecho (EBV-3, 4, 5 e 6), o túnel Engenheiro Giancarlo e a adutora Monteiro.
Na terça-feira (17), o ministro vistoria do percurso das águas do Velho Chico em Pernambuco um conjunto de motobomba flutuante no reservatório (Braúnas), em Floresta, no sertão pernambucano. O equipamento possui 150 metros de comprimento e vai acelerar a chegada da água do rio, ainda neste primeiro semestre, às cidades paraibanas de Monteiro e Campina Grande. Ao todo, serão instalados quatro conjuntos neste reservatório – o segundo do eixo.
Relocamento de motobombas
Visando apressar a chegada da água no açude Epitácio Pessoa, que abastece a Região Metropolitana de Campina Grande, o prefeito Romero Rodrigues (PSDB) afirmou que vai solicitar ao governador de São Paulo, Geraldo Alckmin, que as motobombas emprestadas e utilizadas no estado de Pernambuco, também sejam usadas na Paraíba.
“Com a chegada das águas no município de Monteiro a gente poderia combinar com o ministro, evidentemente também, pedir a renovação do gesto do governador de São Paulo, Geraldo Alckmim para a gente também usar essas motobombas no trecho de Monteiro e o açude Epitácio Pessoa e com essa ação a gente consegueria reduzir esse tempo de recebimento e destinação dessa água até o município de Boqueirão”, explicou.
O governador de São Paulo já cedeu quatro motobombas para acelerar a transposição. Nessa terça-feira foi acionada a primeira delas. juntas, 1.800 metros de tubulação, com um metro de diâmetro. Os quatro conjuntos estão sendo instalados no reservatório Braúnas, onde as águas do rio São Francisco chegaram após percorrer um trajeto de 19,7 quilômetros, desde a captação do manancial no mesmo município.
Os equipamentos vão acelerar a condução da água em 15 quilômetros subsequentes até à terceira estação (EBV-3) do eixo, completando 35,6 quilômetros, após atravessar um reservatório (Mandantes). Caso haja necessidade durante o enchimento dessas estruturas, as bombas poderão ser deslocadas para outros pontos no Eixo Leste.

Fonte e foto: Blog do Gordinho
3
0 Comentários

Postar um comentário