Flexible Home Layout

ECONOMIA

CUITEGI

FOTOS

EMPREGOS

Video

POLITICA

camila-toscano
Após declaração do senador Cássio Cunha Lima sobre aliança do PSDB e PMDB para disputa das eleições em 2018, os políticos desses municípios em que os dois partidos são historicamente adversários já começaram a expor suas opiniões. A deputada estadual Camila Toscano (PSDB) e filha do prefeito reeleito de Guarabira Zenóbio Toscano (PSDB), admite que hoje em dia não há possibilidade dessa união, porém não descarta que em 2018 possa haver uma conversa para unir esses partidos.
Camila enfatiza que em Guarabira o prefeito Zenóbio ganhou a eleição por trabalhar de uma forma diferente do PMDB local. “De forma nenhuma vejo essa possibilidade de união, agora nesse momento. Meu pai foi eleito justamente por fazer política de uma forma completamente diferente dos Paulinos”.
A deputada, no entanto reconhece que a aliança PMDB e PSDB vem dando certo em outros locais e que no próximo ano a aliança pode se tornar coerente. “Essa união vem dando certo em João Pessoa e no Governo Federal, mas eu acho que essa análise aqui em Guarabira só deve ser feita em 2018. Eu estive conversando com o senador Cássio e o que ele me dizia é que temos que deixar as portas abertas para que se faça talvez essa união”.
3
0 Comentários

Postar um comentário